Homem é preso após pedir para filha de 12 anos da namorada tirar a roupa: 'segredinho nosso'

·2 min de leitura
Filha denuncia pedido criminoso de homem para a mãe; ele foi preso - Foto: Reprodução/TV Anhanguera
Filha denuncia pedido criminoso de homem para a mãe; ele foi preso - Foto: Reprodução/TV Anhanguera

Em Goiânia, um homem foi preso suspeito de tentativa de estupro contra a filha da namorada, que tem 12 anos. Segundo a mãe da menina, que preferiu não se identificar, o homem entrou no apartamento da família, sem a menina perceber, fez vídeos íntimos dela e insistiu para que ela tirasse a roupa.

A menina gravou um áudio enquanto o padrasto, que não teve o nome divulgado, insistia para ela tirar a roupa e enviou para a mãe.

A mãe da criança informou que foi informada pela filha por mensagens. A menina escreveu: "mamãe, ele chegou de surpresa aqui em casa e eu não tinha visto. Daí ele começou a gravar uns vídeos íntimos meus. Mamãe, eu estou com medo".

A mãe voltou às pressas para casa e solicitou ajuda do pai da menina, ex-marido, que é policial militar. Ao chegar no prédio onde mora, ela encontrou o então namorado.

A mulher relatou que pegou o celular do suspeito e encaminhou os vídeos que foram feitos da filha. "São em torno de 17 vídeos curtos, porque ele ficou 30 minutos filmando ela sem ela perceber", disse.

A mãe disse que namorava o homem há três anos, e que nunca tinha percebido comportamento suspeito. Ela teme que o homem seja ameaça para outras pessoas.

O suspeito passou por audiência de custódia em menos de 24 horas e foi solto pela juíza Maria Antônia de Faria. Na decisão, a magistrada entendeu que não houve intimidação da vítima e das testemunhas e que o homem não prejudicaria a instrução processual, uma vez que tem residência fixa e emprego.

A juíza destaca também que ele não fugiu ou resistiu à prisão, além de ser réu primário. Diante dos argumentos, a magistrada concedeu liberdade provisória mediante pagamento de R$ 1,1 mil de fiança. Mas estabeleceu medidas protetivas para a menina, entre elas, o padrasto não poderá se aproximar da enteada.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos