Homem que assassinou petista não aparece em vídeo falando de Bolsonaro em escola

Jorge Guaranho disparou contra Marcelo Arruda, que morreu em Foz do Iguaçu, no último 9 de julho de 2022 (Foto: Redes sociais / Reprodução)
Jorge Guaranho, bolsonarista disparou contra o petista Marcelo Arruda, que morreu em Foz do Iguaçu, no último 9 de julho de 2022 (Foto: Redes sociais / Reprodução)
  • Um vídeo circula nas redes sociais como se mostrasse o agente penitenciário bolsonarista que matou o tesoureiro do PT em Foz do Iguaçu no último sábado (9)

  • Nas imagens, um homem aparece exaltando Jair Bolsonaro e falando mal de Luiz Inácio Lula da Silva para crianças em uma escola

  • O agente penitenciário, porém, não é quem aparece no registro, e sim um vereador em Rondônia

Um vídeo de um homem falando sobre o presidente Jair Bolsonaro (PL) e chamando o ex-presidente Lula (PT) de ladrão circula nas redes sociais com centenas de visualizações. Na ocasião, o homem estava em uma escola conversando com crianças.

Segundo as publicações, ele se trata do agente penitenciário bolsonarista Jorge Guaranho, que matou o guarda municipal e tesoureiro do PT em Foz do Iguaçu Marcelo Arruda.

A informação que circula junto à gravação, porém, é falsa. O homem não se trata de Guaranho e sim de André Henrique, vereador pelo PV em Ouro Preto do Oeste, interior de Rondônia.

Captura de tela de um vídeo que circula junto à alegação de que o homem no vídeo seria bolsonarista que matou o tesoureiro do PT em Foz do Iguaçu (Foto: Facebook / Reprodução)
Captura de tela de um vídeo que circula junto à alegação de que o homem no vídeo seria bolsonarista que matou o tesoureiro do PT em Foz do Iguaçu (Foto: Facebook / Reprodução)

Uma busca reversa por um frame do vídeo direcionou a uma publicação no Facebook de 6 de maio deste ano. Na legenda, lê-se "professor de Ouro Preto do Oeste/RO responderá processo administrativo por instigar alunos a chamar Lula de 'bandido e ladrão'". A postagem informa ainda que o professor é verador na cidade e filiado ao PV (Partido Verde).

Em uma consulta ao sistema DivulgaCand do TSE (Tribunal Superior Eleitoral) foram identificados dois vereadores eleitos no município pelo PV. Um deles, André Henrique Ricardo Estevam, apresenta características semelhantes ao homem das imagens.

Uma pesquisa no Google pelas palavras-chave "André Henrique Ricardo Estevam escola ouro preto" direcionou a uma nota da Sintero (Sindicato dos Trabalhadores em Educação no Estado de Rondônia) repudiando a atitude do vereador. Segundo a nota, o episódio teria ocorrido em 19 de abril de 2022.

Nenhum registro que relacione a cena mostrada no vídeo viral a Jorge Guaranho, que atirou no petista Marcelo Arruda em Foz do Iguaçu, foi encontrado.

Conteúdo semelhante foi verificado pelo Aos Fatos.

​​

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos