Homem que havia sumido após saltar de parapente em Itaguaí é encontrado morto pelos bombeiros

O Corpo de Bombeiros do Rio de Janeiro encontrou na tarde deste sábado (29) o corpo de Antônio Roberto Cherem Pereira, 64 anos, que estava sumido após ter saltado de parapente na Serra do Matoso, em Itaguaí.

Antônio saltou da rampa de voo livre de Itaguaí na sexta-feira (28), por volta das 16h. Testemunhas disseram aos bombeiros que o parapente de Antônio teria sido arrastado por fortes rajadas de ventos. Ele era praticante da modalidade há 10 anos.

Segundo os bombeiros, por conta do difícil acesso à Serra do Matoso, a corporação teve de montar um posto de comando próximo à rampa para centralizar as ações em torno das buscas por Antônio. Foram utilizados helicópteros, drones e cães na busca, que durou cerca de 21 horas.

A ação contou com agentes do Grupamento de Operações Aéreas (GOA), do 1° e do 2° Grupamentos de Socorro Florestal e Meio Ambiente (1°e 2° GSFMA) e dos quartéis de Itaguaí, Angra dos Reis e de Mangaratiba.