Homem que se passava por freira para realizar atendimentos médicos é preso em Santa Catarina

·1 min de leitura

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - Um homem de idade e nome não revelados foi preso pela Polícia Civil de Santa Catarina na última sexta-feira (19) suspeito de participar de uma associação criminosa que realizava procedimentos clínicos e cirúrgicos, sem a devida formação técnica.

Os procedimentos eram realizados pelo homem como uma falsa freira. Em uma rede social, ele chegou a publicar como funcionava os procedimentos. Em um dos vídeos, a suposta freira aparece retirando um cálculo renal de um cliente. Durante os atendimentos, além de pequenas cirurgias, o suspeito se utilizou de elementos religiosos para prometer cura de doenças.

De acordo com a polícia, o suspeito cobrava R$ 100 por atendimento e R$ 300 pela cirurgia.

Os crimes teriam sido cometidos nos municípios de Timbó, Blumenau e Ibirama. Além da prisão, também foram apreendidos objetos referentes aos atendimentos realizados e R$ 2.850 em espécie.

Quatro veículos também foram bloqueados pela Justiça a pedido da Polícia Civil, pois suspeita-se que os carros teriam sido comprados com a prática dos atendimentos ilícitos.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos