Homem sobrevive depois de levar tiro no olho

JAMA Ophthalmology

Um americano de 45 anos sobreviveu após receber um tiro no olho direito. Mais surpreendente ainda é que, após a cirurgia para remoção da bala, ele deixou o hospital com a visão intacta.

Em artigo publicado no periódico JAMA Ophthalmology, pesquisadores do Centro Médico da Universidade da Califórnia, em São Francisco, descreveram o caso do paciente atingido por um disparo acidental de uma arma calibre 22.

O projétil atravessou uma porta de madeira antes de se alojar na órbita direita provocando um deslocamento de três milímetros do olho e hematomas na região.

Por mais incrível que pareça, o impacto não produziu fraturas. Um exame revelou que a bala ficou alojada num dos músculos responsáveis pelo controle dos movimentos do olho.

“As balas são grandes e viajam a grande velocidade, normalmente resultando em destruição significativa da órbita, de estruturas adjacentes e do cérebro”, disseram os pesquisadores. “Embora este paciente tenha sido atingido por um projétil calibre 22, ele atravessou uma barreira, reduzindo a velocidade e limitando o dano”.

O homem foi submetido a uma cirurgia de emergência para a retirada do projétil e tratamento dos tecidos atingidos. Os médicos relataram que ele sofreu com dores intensas durante várias horas, mas deixou o hospital com a visão perfeita.

“No pós-operativo, a dor do paciente cessou rapidamente e sua acuidade visual permaneceu inalterada”.