Hong Kong confirma primeiro caso de reinfecção pelo novo coronavírus

·2 minuto de leitura
Doctor in protective gloves & workwear holding Testing Kit for the coronavirus test. The doctor is collecting nasal sample for a young lady with a sampling swab.
Cepas dos vírus retiradas do paciente mostraram ser diferentes entre si (Foto: Getty Creative)

Pesquisadores da Universidade de Hong Kong confirmaram o primeiro caso documentado de reinfecção da Covid-19. O homem de 33 anos teve alta após pegar coronavírus em abril e, no início de agosto, testou positivo novamente depois de viajar à Espanha.

O estudo que documenta o caso foi publicado nesta segunda-feira, 24, n arevista médica Clinical Infectious Diseases, da Universidade de Oxford.

Segundo a agência EFE, inicialmente autoridades acharam que o homem era um caso persistente do coronavírus, ou seja, que o vírus teria ficado no corpo desde a primeira infecção, em abril. No entanto, após investigações, concluíram que as cepas de vírus de abril e agosto são distintas.

Baixe o app do Yahoo Mail em menos de 1 min e receba todos os seus emails em 1 só lugar

A descoberta vai diretamente contra a ideia de que a Covid-19 pode ser freada por meio da chamada “imunidade de rebanho”. Os pesquisadores da Universidade de Hong Kong argumentam que alguns pacientes têm “níveis decrescentes de anticorpos depois de alguns meses”. Isso quer dizer que os anticorpos de algumas pessoas não duram para sempre e, depois de certo período, ficam expostos novamente.

Dessa forma, o recomendado pelos especialistas é que, mesmo pessoas que já tiveram a doença sigam usando máscara e respeitando o distanciamento social.

Leia também

Pelo mundo, há diversas instituições que estão na corrida pelo desenvolvimento de uma vacina contra o coronavírus. No Brasil, a vacina desenvolvida pela Universidade de Oxford está na terceira fase de testes, a mais importante no desenvolvimento da imunização. Também está sendo testada a vacina do laboratório chinês Sinovac.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos