iPhone passa 7 horas no fundo do oceano e volta a funcionar

iPhone passa 7 horas no fundo do oceano e volta a funcionar
iPhone passa 7 horas no fundo do oceano e volta a funcionar
  • O iPhone perdido foi perdido durante a prática de stand up paddle;

  • O dono conta que perdeu o aparelho no Canal da Mancha, no Reino Unido;

  • O telefone voltou a funcionar, no fundo do mar, e teve o sinal captado pela ferramenta Buscar iPhone.

Um iPhone perdido no Reino Unido testou os limites da resistência à água ao se manter funcionando mesmo depois de passar 7 horas afundado no oceano. Em um post no Reddit , o dono relata que perdeu o aparelho durante a prática de stand up paddle no Canal da Mancha, na costa britânica.

O usuário “VAN_DOOM” contou a história em uma postagem que viralizou na rede social nesta segunda-feira (18). O dono do aparelho conta que perdeu o smartphone após cinco minutos praticando o esporte aquático que semelhante ao surf, só que com remos. Cerca de sete horas após o incidente, o telefone voltou a funcionar, no fundo do mar, e teve o sinal captado pela ferramenta Buscar iPhone.

Apesar da postagem não conter muitos detalhes, o internauta conta que foi possível resgatar o dispositivo após a localização fornecida pelo app da Apple. O serviço da gigante da tecnologia localizou o telefone nas proximidades da costa de Brighton, na Inglaterra.

Ainda segundo a postagem, o celular foi resgatado do fundo do mar sem nenhum dano, mesmo tendo ficado submerso por várias horas.O internauta não informou qual modelo de iPhone era usado quando o aparelho afundou no Canal da Mancha.

iPhone reaparece a 10 mil km de distância após ser roubado

O iPhone de um inglês conseguiu ser carregado até a China. Quando o Daniel Yubi, um especialista em pagamentos digitais, ativou a função para localizar o aparelhou, descobriu que ele já estava a quase 10 mil quilômetros de distância.

A vítima contou sobre o ocorrido no Twitter e viralizou. O relato recebeu milhares de curtidas. Na publicação, Yubi ironizou dizendo que este é “o ciclo da vida”. Na postagem, ele divulgou um print que mostra o aparelho a muitas milhas do local do roubo.

Os internautas começaram a especular sobre a razão que levaria alguém a levar um smartphone roubado para a Ásia. Uma hipótese apontada pelos tuiteiros é a de que o telefone será desmontado para a revenda de peças.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos