Idosa de 96 anos é a primeira vacinada contra o coronavírus na Espanha

·1 minuto de leitura
Araceli Hidalgo, 96 anos, foi a primeira pessoa vacinada na Espanha contra a covid-19

Araceli Rosario Hidalgo Sánchez, de 96 anos, residente em uma casa de repouso de Guadalajara, região central da Espanha, se tornou neste domingo a primeira pessoa do país a ser vacinada contra a covid-19.

"Não senti nada", disse, sorridente, a idosa após receber a injeção e caminhar com a ajuda de um andador.

Depois de Araceli, a segunda vacinada foi Mónica Tapias, funcionária do mesmo asilo.

A casa de repouso Los Olmos, de Guadalajara, foi escolhida para iniciar a vacinação na Espanha por sua proximidade com um centro de armazenamento do laboratório americano Pfizer, onde as vacinas chegaram no sábado procedentes de uma fábrica do grupo farmacêutico na Bélgica.

O local também foi escolhido porque não registra nenhum caso positivo de covid-19 no momento.

As autoridades espanholas esperam vacinar até junho de 2021 entre 15 e 20 milhões de pessoas, de uma população de 47 milhões.

A Espanha foi um dos países da Europa mais afetados pela pandemia, com 50.000 mortes e mais de 1,8 milhão de casos, segundo o ministério da Saúde.

A Agência Europeia de Medicamentos (EMA) aprovou na segunda-feira a vacina contra o coronavírus da Pfizer e do laboratório alemão BioNTech e os 27 Estados membros da União Europeia (UE) iniciam a vacinação neste domingo.

ds-mig/mg/bl/zm/fp