Idoso aponta revólver para criança e é preso no MT

Além do revólver empunhado pelo idoso, polícia apreendeu espingarda - Foto: Polícia Militar
Além do revólver empunhado pelo idoso, polícia apreendeu espingarda - Foto: Polícia Militar

Foi preso na tarde desta segunda-feira (29), em Barra do Garças, a 516 km de Cuiabá, Mato Grosso (MT), um idoso de 80 anos, acusado de apontar um revólver para uma mulher e uma criança.

O caso aconteceu no bairro São José e as vítimas eram vizinhas do suspeito.

De acordo com informações de testemunhas para a Polícia Militar, o suspeito estava exaltado, quando pegou a arma de fogo calibre .32 e apontou para os vizinhos.

Depois disso, chutou a porta de uma casa, onde estava uma criança, e apontou a arma na direção dela, foi quando a avó da menina interviu, gritou por socorro, o que assustou o agressor que saiu correndo.

A Polícia Militar foi acionada e prendeu o homem que se escondeu dentro da própria casa. Os policiais conseguiram desarmar o idoso que tinha na cintura o revólver de calibre .32 que continha três munições, também foi encontrado uma espingarda de pressão de 5.5 mm na área da residência além de uma lata com chumbos da mesma espingarda.

Todos os objetos foram apreendidos e foram entregues juntamente com o idoso na Polícia Civil onde ficou à disposição da justiça.

Caso semelhante

Em novembro de 2021, a Delegacia de Proteção à Criança e ao Adolescente (DPCA) da Polícia Civil do Piauí abriu investigação sobre uma denúncia de que um menino de cinco anos foi agredido e ameaçado com uma arma de fogo, dentro de um restaurante no bairro Macaúba, Zona Sul de Teresina.

De acordo com a delegada Lucivânia Vidal, o autor do crime é pai de outra criança.

Câmeras de segurança do restaurante registraram o momento em que a mãe do menino e outros familiares discutem com o homem.

Em vídeos compartilhados nas redes sociais, a mãe da criança relatou o episódio. Segundo ela, o filho brincava em uma área infantil do local, quando não foi mais visto. Minutos depois, foi encontrado trancado no banheiro do restaurante.

Em outro registro divulgado, o menino, bastante assustado, contou que o agressor chegou a pedir que o filho dele também segurasse a arma para ameaçá-lo.