Idoso diz que atirou no olho de garota após confundi-la com ladrão

  • Idoso de 77 anos atirou com uma arma de chumbinho no olho de uma garota de 14 anos

  • O homem afirmou que achava que estava sendo vítima de um bandido

  • Ele foi detido e levado à delegacia, mas liberado posteriormente

O idoso de 77 anos responsável pelo disparo que atingiu o olho de uma garota de 14 anos na noite da última quinta-feira (1º) em Ceilândia, Distrito Federal, afirmou que agiu ao confundi-la com um ladrão.

Segundo informações do portal Metrópoles, o homem disse que se assustou com um barulho em seu ferro velho e acreditou que se tratava de um bandido disposto a roubá-lo.

Ainda segundo o depoimento, o local foi alvo de ladrões diversas vezes nos últimos anos. Por isso, ao suspeitar de um novo crime, o idoso não pensou duas vezes antes de empunhar sua arma de chumbinho e atirar.

O próprio rapaz, identificado como José Silveira, admitiu que não sabia quem estava no local, por conta da falta de luz. Após o disparo, ele chegou a ouvir um grito, que ignorou.

Momentos depois, um policial bateu em sua porta e cobrou explicações. José foi levado para a delegacia, mas acabou liberado após ser autuado por lesão corporal leve e alertado sobre a necessidade de comparecer ao Juizado Especial Criminal.

Entenda o caso

A adolescente foi atingida em um comércio próximo ao Centro Educacional (CED) 11 de Ceilândia. De acordo uma comerciante da região, que não quis ser identificada, é comum crianças brincarem no local, na saída da escola.

Patrícia Helena Ferreira, mãe da vítima, disse que recebeu a notícia do ocorrido com a filha por meio do colégio em que a menina estuda.

Uma vizinha ajudou a menina logo após o disparo. Segundo a comerciante, a vítima estava trêmula e assustada.

Revoltados com a atitude do idoso, alguns comerciantes, depredaram o caminhão do homem. O veículo ficou com todos os vidros, janelas e para-brisas, quebrados.