Imunologista americano Anthony Fauci recebe vacina contra covid-19

·1 minuto de leitura
Anthony Fauci recebe vacina da covid-19 em Washington

O imunologista Anthony Fauci, assessor do governo dos Estados Unidos para a atual crise sanitária, foi vacinado na segunda-feira (21) contra a covid-19, junto com outros funcionários de alto escalão e seis profissionais da saúde.

A vacinação foi transmitida ao vivo, direto do Instituto Nacional de Saúde.

De acordo com o especialista, amplamente respeitado nos EUA, a inoculação foi "um sinal para o restante do país de que tenho extrema confiança na segurança e na eficácia desta vacina".

"Quero estimular todos que tiverem a oportunidade a se vacinarem, de modo que possamos ter um manto de proteção no país que ponha fim a esta pandemia", completou.

Fauci foi o primeiro a receber, diante das câmeras, uma dose da vacina Moderna, autorizada na sexta-feira pelos Estados Unidos e desenvolvida em colaboração com o Instituto Nacional de Alergia e Doenças Infecciosas, liderado por ele desde 1984.

O presidente eleito Joe Bien, que tomará posse do cargo em 20 de janeiro, anunciou recentemente que nomearia Fauci seu assessor principal na gestão da crise pandêmica.

Este imunologista, já membro da unidade de crise da Casa Branca, é uma figura de confiança para os americanos desde o início da pandemia.

Acostumado com programas de televisão, repete incansavelmente a utilidade das medidas sanitárias.

No entanto, o presidente em função Donald Trump mostrou várias vezes aborrecimento com suas recomendações, das quais se afasta frequentemente.

"As pessoas estão fartas (de ouvir falar) da covid", disse o presidente em meados de outubro. "As pessoas estão dizendo 'deixem-nos em paz'. Estão fartas. Cansadas de ouvir falar de Fauci e de todos esses idiotas", acrescentou.

ia/st/yow/yo/tt/aa