Califórnia usa mais de 2,5 mil bombeiros e 17 helicópteros no combate a incêndio que já devastou 7 mil hectares; veja imagens

Mais de 2.500 bombeiros estão lutando contra um violento incêndio florestal próximo ao Parque Nacional de Yosemite, na Califórnia, enquanto milhares de moradores da área são evacuados às pressas. As chamas tiveram início na região central do estado na última sexta-feira e varreram partes dos Estados Unidos, atingidos por uma forte onda de calor.

Alerta de autoridades: Reino Unido está à beira da pior seca desde 1976

Vídeo: fazendeiro usa trator para controlar incêndio e salva casa na Inglaterra

O incêndio começou no condado de Mariposa, no pé da cordilheira de Sierra Nevada. Até o momento, ele devastou quase 7 mil hectares, destruiu cerca de dez propriedades e colocou outras milhares em risco, segundo autoridades. Até o momento, apenas 16% do fogo foi contido, de acordo com os bombeiros da Califórnia.

Em nota, a entidade informou que “as equipes de bombeiros estão trabalhando agressivamente, usando escavadeiras, equipamentos portáteis e aeronaves”, e apenas um “crescimento mínimo de incêndios” foi visto na segunda-feira. Em apenas três dias, este já é o maior incêndio registrado nesta temporada na Califórnia.

— O que estamos vendo com esse incêndio é típico do que vimos em outros incêndios na Califórnia nos últimos dois anos — disse Jon Heggie, chefe de um dos batalhões de bombeiros da Califórnia, à CNN.

Jonathan Pierce, porta-voz do corpo de bombeiros, disse que a baixa umidade e as altas temperaturas estão alimentando as chamas.

— Também temos alta mortalidade de árvores no município de Mariposa, muitas árvores mortas em pé, muitas árvores mortas no chão. Isso, aliado à topografia da área, que é íngreme em muitos lugares, está levando a um comportamento extremo do fogo — acrescentou.

A Cruz Vermelha está levando comida e cuidados médicos para um abrigo montado em uma escola local, para onde alguns moradores e seus animais de estimação foram levados. As autoridades locais afirmaram que os bombeiros continuam trabalhando em condições de calor intenso e seca, e em terrenos íngremes e acidentados, o que dificulta a operação.

Vídeo: vulcão entra em erupção em ilha do Japão

Os bombeiros informaram que mal conseguiram conter 10% do incêndio até segunda-feira, enquanto imagens de chamas descontroladas circulavam nas redes sociais.

— As chamas tinham cerca de 30 metros de altura — disse David Lee, um morador evacuado que falou ao jornal local Santa Cruz Sentinel. — É o incêndio mais rápido que eu já vi na minha vida.

As autoridades mobilizaram 17 helicópteros para combater as chamas, enquanto, no solo, agentes evacuaram dezenas de comunidades no condado de Mariposa, após a declaração de emergência feita pelo governo da Califórnia.

O estado, como o resto da costa oeste dos Estados Unidos, sofre com uma seca severa há mais de uma década. A falta de chuvas foi acentuada em parte pelas mudanças climáticas causadas pela atividade humana e pela queima indiscriminada de combustíveis fósseis.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos