Incêndios na Floresta Amazônica são alvo de desinformação

1 / 3
Foto cedida por um Observatório da Nasa e obtida em 21 de agosto de 2019 mostra as queimadas nos estados do Amazonas, Pará, Mato Grosso e Rondônia em 11 de agosto de 2019

À medida que uma grave onda de incêndios florestais atinge a Amazônia, diversas fotos que supostamente mostram a situação atual das queimadas viralizaram nas redes sociais com as hashtags #PrayForAmazonas e #PrayForAmazonia.

Preocupados com a preservação da floresta, usuários de redes sociais, inclusive com contas verificadas, compartilharam milhares de vezes imagens antigas e de outras localidades atribuindo-as à condição atual da Amazônia.

De fato, os focos de incêndio no Brasil aumentaram 83% este ano em comparação com o mesmo período de 2018 devido às queimadas na região amazônica, segundo dados do Programa de Queimadas do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe).

Ainda segundo o Inpe, entre janeiro e agosto de 2019 foram registrados 72.843 focos de incêndio, frente aos 39.759 neste período de 2018.

O número até terça-feira (20) era o maior desde 2013 no mesmo período. No entanto, muitas fotos foram tiradas de contexto, como se pode ver a seguir:

- Árvores em chamas -

Uma fotografia (1) encontrada pela equipe de verificação da AFP mostra árvores cobertas por uma densa nuvem de fumaça. A imagem realmente foi feita na Floresta Amazônica, no entanto ela data de 24 de outubro de 2015.

A foto foi encontrada em uma reportagem do Projeto Colabora com crédito à fotógrafa Marizilda Cruppe para o Greenpeace. No site da organização, o AFP Checamos encontrou a versão da fotografia sem edição e com a sua descrição completa.

A foto mostra um incêndio florestal na Terra Indígena Arariboia, no estado do Maranhão, há quatro anos.

Outra (2), que mostra chamas consumindo árvores durante a noite, foi encontrada por meio do mecanismo de busca reversa também no site da ONG Greenpeace com crédito ao fotógrafo Daniel Beltrá.

Ao contrário do que afirmam as publicações, a fotografia é datada de 12 de agosto de 2008 e mostra uma queimada para limpar a terra para a criação de gado em território amazônico.

Uma terceira (3), que mostra o contraste entre uma extensa área desmatada e o verde da floresta, também foi encontrada no site do Greenpeace.

Creditada ao mesmo fotógrafo da imagem anterior, a foto foi feita na Amazônia, mas em 1º de outubro de 2018, e não atualmente.

Uma quarta imagem (4), publicada na conta oficial no Instagram do ator Jaden Smith, filho do também ator Will Smith, e curtida mais de um milhão de vezes, está fora de contexto.

Com a legenda "A Floresta Amazônica está pegando fogo. Isso é terrível”, a foto mostra uma grande extensão de mata queimada e em chamas, mas há 30 anos: em 1989.

A imagem foi feita na Amazônia por um fotógrafo da Sipa Press e posteriormente adquirida pela Rex Features e publicada no jornal Guardian em 2007, em uma matéria especial sobre o desmatamento desta floresta.

- Sofrimento dos animais -

A fotografia (5) que mostra um macaco com expressão de sofrimento supostamente segurando o seu filhote morto nos braços não foi tirada na Amazônia, nem sequer no Brasil, como sugerem algumas publicações.

Na realidade, a imagem foi registrada pelo fotógrafo indiano Avinash Lodhi em Jabalpur (centro da Índia). Além disso, Lodhi indicou ao jornal Telegraph que o filhote havia apenas tropeçado e não estava morto.

A sexta e última imagem (6), na qual é possível ver um coelho com o pelo queimado, tampouco foi registrada na Floresta Amazônica.

Trata-se do incêndio Woolsey, ocorrido perto de Malibu, na Califórnia, em novembro de 2018. Esta fotografia foi tirada por Chris Rusanowsky para o Shutterstock.

Em resumo, apesar da Floresta Amazônica estar passando por uma série de incêndios, algumas imagens compartilhadas por usuários retrataram a floresta em períodos anteriores, ou mesmo locais totalmente distintos.

(1) https://projetocolabora.com.br/ods15/os-incendios-que-queimam-a-amazonia/

https://perma.cc/X33G-6WAL

(2) https://perma.cc/29PH-KSSX

(3) https://perma.cc/XFN8-BB3L

(4) https://www.instagram.com/p/B1bRzP6j8KS/

https://www.theguardian.com/environment/gallery/2007/oct/24/1?picture=331046325

(5) https://www.facebook.com/photo.php?fbid=1384500868254690&set=a.430208190350634&type=3&theater

https://www.telegraph.co.uk/news/2017/05/10/mother-monkey-appears-cry-son-collapses/

(6) https://perma.cc/92NL-CFB6