Incêndios não dão tréguas da Grécia até à Chéquia

Incêndios não dão tréguas da Grécia até à Chéquia

Os bombeiros continuam a lutar para conter um incêndio que deflagrou no sábado de manhã na ilha de Lesbos, na Grécia, e tem lavrado com forte intensidade perto do município costeiro de Vatera, um destino popular para turistas.

O fogo tem ameaçado dezenas de casas e forçado centenas de pessoas a deixar as residências.

Após uma noite difícil, a situação da frente de fogo parece ter melhorado na segunda-feira de manhã. A queda dos ventos facilitou os esforços de combate aos incêndios, mas as escaladas durante o dia mantiveram a brigada de bombeiros em alerta.

Na região de Zamora, em Espanha, um novo incêndio obrigou à evacuação da localidade de Losacio e mais seis aldeias, na mesma província onde na semana passada arderam 31 mil hectares de floresta. A região continua sob altas temperaturas e ventos fortes.

Na província de Burgos, no norte de Espanha, os bombeiros lutam contra os restos de um incêndio no Vale de Arlanza. Os operacionais tentaram salvar a histórica Abadia de Santo Domingo de Silos, que acabou por ser quase destruída pelo incêndio.

O aumento das temperaturas e uma seca prolongada sentiram-se também no centro de Itália. Os bombeiros têm combatido chamas da Toscana a Trieste, com o fogo a ameaçar aldeias e cidades no topo de colinas rodeadas por vegetação e florestas e com estradas estreitas, o que tem dificultado as operações de combate às chamas.

No Parque Nacional da Boémia Suíça, na Chéquia, o vento deu fôlego ao incêndio que estava sob controlo, obrigando dezenas de pessoas a abandonarem a região. Os bombeiros checos estão a ser ajudados pelos bombeiros alemães. O incêndio começou no domingo de manhã e está a ser combatido por 150 operacionais, aviões e helicópteros da polícia e do exército.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos