Inca lança vídeos educativos sobre temas ligados à prevenção do câncer

Alana Gandra - Repórter da Agência Brasil

O Instituto Nacional de Câncer José Alencar Gomes da Silva (Inca) lançou hoje (7), Dia Mundial da Saúde, quatro vídeos educativos sobre os temas alimentação saudável, atividade física, controle do peso e a relação desses fatores com o câncer. O trabalho resulta de parceria com a Associação Pró-Vita, dedicada à arrecadação de recursos para apoiar hospitais que fazem transplante de medula óssea.

Os vídeos já estão disponíveis no canal do Inca no YouTube e podem ser compartilhados nas redes sociais.

A nutricionista da Unidade Técnica de Alimentação, Nutrição e Câncer do Inca, Luciana Grucci Maya, destacou que existe forte relação entre hábitos alimentares e o câncer. “Através desses vídeos, a gente está buscando mostrar essa informação para a população com grande alcance, porque atualmente o vídeo é um meio de comunicação muito usado entre a população, e com informação de qualidade, segura, e uma linguagem popular e simples, de fácil entendimento por todo mundo”, disse Luciana.

De forma geral, a população não reconhece que o câncer, em alguns casos, é uma doença prevenível por meio da alimentação, da prática de atividade física e da manutenção do peso corporal adequado, avaliou a nutricionista.

Alimentação saudável

Segundo a nutricionista, não existe alimento milagroso capaz de prevenir o câncer. Mas é importante que as pessoas procurem ter uma alimentação saudável, que pode ser traduzida por alimentos in natura, minimamente processados. Segundo ela, também é importante resgatar o hábito de cozinhar os alimentos e preparar as refeições em casa, priorizar alimentos regionais, de cada época e, principalmente, diminuir o consumo dos alimentos ultraprocessados, que são aqueles prontos para aquecer e consumir.

“As pessoas estão passando a consumir em maior quantidade os alimentos ultraprocessados, em detrimento da alimentação saudável, que é a comida de verdade, feita em casa, com alimentos frescos, usando legumes e verduras, cereais. Você pode comer uma lasanha, mas vamos prepará-la em casa, incrementando com alguma verdura”, sugeriu.

Luciana lembrou que, na semana passada, o Inca lançou um primeiro vídeo de animação, com o tema “A saúde está na mesa”, visando discutir a relação entre obesidade infantil e câncer.

O coordenador da Associação Pró-Vita, Artur Santos, destacou que o tema alimentação saudável é muito importante. “As escolhas que fazemos na nossa alimentação podem evitar o surgimento de diversos tipos de câncer. Com a produção destes vídeos, a ideia é fomentar mais debate e levar informação de qualidade sobre o tema nutrição”, disse.

De acordo com o Inca, o alerta vale para toda a população e, em especial, para quem tem vida sedentária e histórico de câncer na família.