Após registrar 200 mil casos de Covid-19 em um dia, Índia adota lockdown para evitar colapso na saúde

·2 minuto de leitura
Muitos hospitais de Mumbai relataram escassez de leitos e de insumos como o oxigênio hospitalar, muito utilizado para tratamento de casos graves da Covid-19 - Foto: AP Photo/Rajesh Kumar Singh
Muitos hospitais de Mumbai relataram escassez de leitos e de insumos como o oxigênio hospitalar, muito utilizado para tratamento de casos graves da Covid-19 - Foto: AP Photo/Rajesh Kumar Singh
  • Explosão no número de casos de Covid-19 leva hospitais indianos ao colapso

  • Mumbai, uma das principais cidades do país, optou por adotar um lockdown para aliviar o sistema de saúde local

  • Na mesma região, Filipinas também sofre com aumento exponencial de número de casos

Não é apenas no Brasil que a pandemia do novo coronavírus está descontrolada. Nos últimos dias, a Índia também vem registrando números que tem preocupado o planeta. Nesta quinta-feira (15), o país registrou 200 mil casos diários pela primeira vez, o que fez com que Mumbai, o polo financeiro local, adotasse um lockdown.

Autoridades locais optaram pela medida mais restritiva de locomoção porque, de acordo com a Reuters, muitos hospitais de Mumbai, assim como vem acontecendo com unidades de saúde brasileiras, relataram escassez de leitos e de insumos como o oxigênio hospitalar, muito utilizado para tratamento de casos graves da Covid-19. 

Leia também

"A situação é horrível. Temos um hospital de 900 leitos, mas há cerca de 60 pacientes esperando e não temos espaço para eles", disse Avinash Gawande, autoridade do Colégio Médico e Hospital à Reuters.

De acordo com a agência, outros países da região optaram pelo lockdown após registrarem um preocupante aumento de casos. Camboja e Bangladesh fecharam distritos inteiros para proteger seus sistemas de saúde. 

Depois de mais um recorde de casos diários, a Índia, que recentemente desbancou o Brasil nesse quesito, fica atrás apenas dos Estados Unidos, que acumulam mais de 14 milhões e 100 mil infecções pelo novo coronavírus. 

Festival religioso pode piorar situação na Índia

Milhares de peregrinos lotaram um festival religioso no norte do país, causando grande preocupação nas autoridades locais da área da Saúde - Foto: AP Photo/Karma Sonam
Milhares de peregrinos lotaram um festival religioso no norte do país, causando grande preocupação nas autoridades locais da área da Saúde - Foto: AP Photo/Karma Sonam

Na última quarta-feira (14), centenas de milhares de peregrinos lotaram um festival religioso no norte do país, causando grande preocupação nas autoridades locais da área da Saúde. O evento pode elevar ainda mais a disparada de casos de Covid-19 na região. 

De acordo com a Reuters, outro país da região que enfrenta dificuldades para conter o avanço da pandemia são as Filipinas. O país, que tem mais de 13 milhões de habitantes, também tem relatado dificuldade em abrigar pacientes devido ao aumento nos números de internações.

No último mês, as Filipinas registraram mais de 266 mil casos, número que representa 30% do total de contaminações no país desde o início da pandemia.