Indígena Guajajara assassinado a tiros foi vítima de emboscada, diz polícia

Antônio Cafeteiro Silva Guajajara estava saindo de uma festa quando foi atingido pelos disparos (Foto: Getty Images)
Antônio Cafeteiro Silva Guajajara estava saindo de uma festa quando foi atingido pelos disparos (Foto: Getty Images)

O indígena Antônio Cafeteiro Silva Guajajara, morto com seis tiros no último domingo (11), na estrada do Povoado Jiboia, no município de Arame, a cerca de 600 km de São Luís, foi vítima de uma emboscada, segundo informou a Polícia Civil do Maranhão.

Tiago Castro, delegado da Polícia Civil de Arame, disse que Antônio Cafeteiro estava saindo de uma festa quando foi atingido pelos disparos, indo a óbito ainda no local do crime.

O suspeito de executar o indígena, que ainda não foi identificado, estava em um veículo de cor branca.

“Ao que indica foi uma emboscada para sair da festa e o indivíduo passou em um carro, com os faróis apagados, desceu do carro e efetuou os disparos. Possivelmente foi só um indivíduo que tenha realizado a execução. A gente está diligenciando para identificar esse carro, ao que tudo indica é uma caminhonete branca”, disse Tiago.

Ainda segundo a polícia, informou o portal g1, a vítima estava portando uma arma de fogo municiada quando foi assassinada.

A companheira de Antônio Cafeteiro, que é testemunha ocular do crime, já prestou depoimento e deve ajudar a identificar o carro em que o atirador estava.

Antônio Cafeteiro morava na aldeia Lagoa Vermelho, na Terra Indígena (TI) Arariboia. A polícia ainda investiga o que teria motivado o crime.

Esse é o terceiro assassinato de indígenas da etnia Guajajara em menos de duas semanas no estado maranhense.

No início do mês, dia 3 de setembro, Janildo Oliveira Guajajara, que já foi Guardião da Floresta, foi assassinado com tiros nas costas, em Amarante do Maranhão.

Já no município de Arame, Israel Carlos Miranda Guajajara morreu após ser atropelado e a polícia confirmou que se trata de um caso de homicídio.

De acordo com o Instituto Socioambiental, os Guajajara são um dos maiores grupos indígenas do país e vivem em diferentes regiões do estado do Maranhão.