Inflação do aluguel, IGP-M acumula 3,48% em 12 meses

Vitor Abdala - Repórter da Agência Brasil

Segunda prévia de abril do Índice Geral de Preços–Mercado teve deflação de 0,99%. Taxa acumulada é de 3,48% em 12 meses                         Wilson Dias/Agência Brasil

A segunda prévia de abril do Índice Geral de Preços - Mercado (IGP-M) acusou deflação (queda de preços) de 0,99%. A segunda prévia de março havia registrado 0,08%. Segundo a Fundação Getulio Vargas (FGV), o IGP-M acumula taxa de 3,48% em 12 meses.

A queda da taxa entre março e abril foi puxada pelos três subíndices que compõem o IGP-M. O Índice de Preços ao Produtor Amplo, que mede o atacado, teve deflação de 1,60% na segunda prévia de abril, ante uma deflação de 0,08% em março.

O Índice de Preços ao Consumidor, que mede o varejo, caiu de 0,32% para 0,30% no período. Já o Índice Nacional de Custo da Construção recuou de uma inflação de 0,52% em março para uma deflação de 0,09%.