Inflação desancorada é elemento mais disruptivo ao crescimento econômico, diz Campos Neto

·1 minuto de leitura

Por Gabriel Ponte

BRASÍLIA (Reuters) - O presidente do Banco Central, Roberto Campos Neto, destacou nesta sexta-feira a importância da ancoragem das expectativas de inflação, afirmando que movimento de preços fora da meta é o elemento "mais disruptivo" ao crescimento econômico.

"(Inflação fora da meta) faz com que o investidor adie os investimentos, ela cria uma instabilidade no preço da moeda muito grande, então assim, esse é um elemento muito disruptivo", afirmou na 31ª edição do CIAB Febraban.

"Então você ancorar expectativas de tal forma que mundo financeiro, agentes tenham capacidade de prever a um prazo mais longo e de certa forma ter mais credibilidade na política (monetária), acho que isso é fundamental."

O presidente do BC disse que, se bem-feito, o processo de elevação da Selic, que teoricamente restringe as condições financeiras, gera efeito positivo.

"Às vezes, fazendo um ajuste com credibilidade você tem um efeito, obviamente, mais restritivo de subir os juros, mas do outro lado você é compensado por um ganho de credibilidade, por a curva estar mais plana, por você ter a capacidade de programar", acrescentou.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos