Infracommerce compra chilena Ecomsur

SÃO PAULO (Reuters) - A companhia brasileira de tecnologia para varejo Infracommerce anunciou nesta segunda-feira a incorporação da chilena Ecomsur em uma operação em ações.

"Além da consolidação das operações na Colômbia, Peru e Chile, países em que a Infracommerce já está presente, a companhia também passará a ter maior exposição no México, território estratégico para a sua atuação, e que possui o maior potencial de crescimento do mercado de ecommerce da América Latina", afirmou a Infracommerce em comunicado ao mercado.

"Esta união com Ecomsur marca a entrada da Infracommerce no Panamá, que é um hub estratégico para atendimento de diversos países e que já estava nos seus planos futuros de expansão", acrescentou a empresa.

A Ecomsur tem mais de 400 funcionários e fornece serviços voltados a omnicanal e vendas diretas aos consumidores de clientes que incluem Samsung, Levi’s e Phillips, afirmou a Infracommerce. A Ecomsur é apoiada pelo fundo chileno de private equity Igneous.

A Infracommerce vai entregar 16,3 milhões de ações, equivalentes a menos de 5% do capital da companhia, e o restante será emitido pela New Retail Limited, representando participação minoritária de 20,5% da empresa controlada da Infracommerce e que concentra os ativos da companhia brasileira na América Latina.

Segundo a Infracommerce, a definição de quantidade de ações foi tomada tendo como base valores superiores a 5,01 reais, que foi o valor utilizado no aumento de capital por subscrição privada da empresa realizado em outubro. A ação da Infracommerce fechou na sexta-feira a 3,80 reais.

A companhia afirmou que as sinergias com a incorporação da Ecomsur são, preliminarmente, da ordem de 20 milhões de reais em base anualizada.