Infraero reformará pista principal do Aeroporto de Congonhas

Daniel Mello - Repórter da Agência Brasil

A Infraero (Empresa Brasileira de Infraestrutura Aeroportuária)  abriu licitação para as obras de recuperação do asfalto da pista principal do Aeroporto de Congonhas, em São Paulo. A concorrência será realizada em sessão pública eletrônica no dia 21 de maio. O prazo para execução do contrato é de 90 dias, sendo que as obras devem ser realizadas no máximo em 30 dias.

Durante os trabalhos, a pista principal do aeroporto deverá ficar fechada. Segundo a Infraero, as equipes devem trabalhar 24 horas por dia, sete dias por semana, para garantir o cumprimento do prazo de um mês para os trabalhos. Será aplicada a tecnologia de camada porosa de atrito, que melhora o escoamento da água em dias de chuva e aumenta a segurança da pista.

O terminal seguirá aberto e operando normalmente com a pista auxiliar. A pista principal tem 1.940 metros de comprimento e 45 metros de largura. Ela suporta aeronaves de categoria até 4C, que englobam as principais utilizadas pelas companhias aéreas brasileiras, como Boeing 737-800, Airbus A320 e Embraer E195.

Na segunda-feira (27), a Infraero havia anunciado que o cronograma de obras nos aeroportos administrados pela estatal federal serão acelerados, aproveitando a queda no movimento pela quarentena contra o coronavírus. As lojas, restaurantes e estacionamento do Aeroporto de Congonhas continuam funcionando normalmente.