Inscrições para capacitação de mulheres em empreendedorismo terminam nesta quarta

·2 minuto de leitura

Terminam nesta quarta-feira, dia 19, as inscrições para cursos de empreendedorismo e mídias sociais nos municípios de Duque de Caxias, na Baixada Fluminense, e Arraial do Cabo, na Região dos Lagos, e ainda de economia solidária em São Gonçalo, na Região Metropolitana. As aulas serão ministradas pelo Instituto Federal do Rio de Janeiro (IFRJ) em formato online (EAD), com duração de um mês a partir de 2 de junho, e as inscrições podem ser feitas por meio do site do IFRJ.

A ação do IFRJ em parceria com o Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos (MMFDH) é destinada a mulheres em situação de vulnerabilidade social, incluindo refugiadas.

"Estamos vivendo um momento que é preciso se reinventar, empreender e transformar crise em oportunidade. Acreditamos que os cursos vão oferecer condições para que as mulheres possam explorar o seu potencial produtivo", afirmou a secretária nacional de políticas para as mulheres do MMFDH, Cristiane Britto, por meio de um comunicado divulgado pela pasta.

De acordo com o Ministério, o objetivo da iniciativa é estimular o empreendedorismo num contexto pós-pandemia. Entre os requisitos para participar, constam a idade de 18 a 60 anos e ensino fundamental completo. Os editais também reservam vagas para indígenas e pessoas com deficiência (PCDs).

"A partir do investimento de cerca R$ 249 mil do MMFDH, a parceria firmada com o IFRJ prevê, ao todo, a capacitação de 850 mulheres em nove cursos: dois a distância — economia solidária e empreendedorismo e mídias sociais — e sete presenciais - cabelo afro, informática, base de confeitaria, salgadeira, reciclagem, artesã e corte costura. As atividades presenciais irão contar com um auxílio para apoiar as alunas nos deslocamentos e alimentação durante o curso", completou o Ministério na nota, informando ainda que, ao todo, serão 150 vagas para Arraial do Cabo, 160 para Belford Roxo e Nova Iguaçu, 180 em Duque de Caxias, 120 em Nilópolis e 240 para São Gonçalo.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos