INSS divulga calendário de pagamento de benefícios para 2023

Nesta quinta-feira (dia 8), o Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) divulgou o calendário de pagamento de benefícios em 2023, válido para mais de 37 milhões de aposentados, pensionistas e titulares de auxílios.

A exemplo do que vem acontecendo nos últimos, os beneficiários que ganham até um salário mínimo (atualmente no valor de R$ 1.212) continuarão recebendo entre os últimos cinco dias úteis do mês de referência e os cinco primeiros dias úteis do mês seguinte. Os valores serão liberados para um grupo por dia, de acordo com o número final do cartão de benefício (antes do traço). O primeiro a receber será o grupo de final 1.

No caso dos que recebem mais do que o piso nacional, o pagamento ser feito sempre nos primeiros cinco dias úteis do mês seguinte, para dois grupos por dia: 1 e 6, depois 2 e 7, e assim por diante, até 5 e 0.

O calendário, como de costume, não cita os meses de pagamento da antecipação do 13º salário. Neste caso, a data de liberação das parcelas do abono natalino é decidida pela União ao longo do ano. Durante a pandemia, por exemplo, aconteceu ainda no primeiro semestre.

O valor pago na virada de dezembro para janeiro ainda virá sem aumento, por ainda ser referente à folha de dezembro de 2022.

Já o benefício referente a janeiro, a ser pago na virada de janeiro para fevereiro, virá com o reajuste anual aplicado aos benefícios do INSS, já que a correção é válida a partir do primeiro dia do ano.

O percentual de aumento deverá ser divulgado na primeira quinzena de 2023, quando o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística deverá consolidar o Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC) de 2022 (acumulado em 12 meses).