Perícia do INSS passa a ser feita por teleconsulta

·1 min de leitura
Estima-se que mais de 902 mil pessoas sejam convocadas para a perícia do INSS
Estima-se que mais de 902 mil pessoas sejam convocadas para a perícia do INSS

(Getty Images)

  • INSS passará a realizar perícia médica por teleconsulta

  • Medida foi liberada pelo governo federal

  • Decisão foi publicada no Diário Oficial da União de hoje (13)

O governo federal permitiu que o INSS (Instituto Nacional de Seguridade Social) passe a realizar perícias médicas por meio de teleconsultas. A decisão foi publicada no Diário Oficial da União desta quinta-feira (13) e cumpre deliberação do Tribunal de Contas da União (TCU).

Leia também:

Os testes – que funcionam como uma experiência-piloto - devem durar 90 dias e serão realizados nas prefeituras que têm Acordo de Cooperação Técnica (ACT) com a Previdência.

Perícia visa coibir fraudes

Em agosto de 2021, o INSS começou um pente fino para evitar que segurados estejam recebendo o benefício sem necessidade. Estima-se que mais de 902 mil pessoas sejam convocadas para a perícia médica.

Aqueles que não realizarem o procedimento poderão ter o pagamento suspenso. De acordo com o Instituto, 65 mil segurados tiveram o auxílio por incapacidade temporária (antigo auxílio doença) cortado por falta de revisão.

Para realizar o agendamento, basta ligar 135 ou marcar via aplicativo meu INSS.

Com informações do Brasil Econômico

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos