Instituição de Londres cancela evento com presidenciável francês de extrema-direita

·1 min de leitura
Comentarista e presideciável francês de extrema-direita Éric Zemmour em Beziers

PARIS (Reuters) - A Royal Institution de Londres cancelou um evento organizado em nome de Éric Zemmour, comentarista de extrema-direita e provável candidato na eleição presidencial francesa do ano que vem que está sacudindo a campanha com sua linguagem polarizadora.

Zemmour escreveu diversos livros sobre o que ele classifica como a erosão da identidade nacional da França, culpando levas de imigração descontrolada. Sua retórica combativa a respeito do Islã e da segurança está ecoando em conservadores mais rígidos.

"A Royal Institution decidiu, 48 horas antes da conferência de Éric Zemmour, cancelar, por email e sem explicação, o agendamento que ele formalizou duas semanas atrás", informou um comunicado emitido pela equipe de Zemmour na quarta-feira.

A instituição, fundada no Século 18 para promover a ciência e a pesquisa, disse que cancelou o evento de sexta-feira depois de uma "avaliação apropriada" sobre Zemmour, mas não quis entrar em detalhes.

Zemmour esperava falar diante de várias centenas de expatriados franceses que moram em Londres.

O cancelamento é incompreensível, e compensações serão solicitadas, disse o comunicado em nome de Zemmour.

Zemmour, de 63 anos, não anunciou oficialmente sua candidatura para a eleição presidencial francesa de 2022, mas se comporta em tudo como um candidato. Pesquisas de opinião mostram que ele pode chegar ao segundo turno.

(Por Juliette Jabkhiro)

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos