Integrante da comissão de carnaval da Beija-Flor é assassinado na Baixada Fluminense

·1 min de leitura

Integrante da comissão de carnaval da Beija-Flor, o carnavalesco Léo Mídia foi encontrado morto, nesta quarta-feira, dentro de casa, na Rua Doutor Manoel Reis, em Nilópolis, na Baixada Fluminense. Informações iniciais dão conta de que a vítima foi assassinada com golpes de faca.

Léo havia participado da preparação de um evento de natal na quadra da escola, nesta terça-feira, e havia recebido inclusive o pagamento do décimo terceiro. Na manhã desta quarta-feira, ele era aguardado pelos colegas da escola para a distribuição de mais de 2 mil cestas básicas. Como não compareceu, integrantes da Beija-Flor foram até a sua residência e confirmaram notícias que davam conta de que ele estaria morto.

Léo Mídia estava na Beija-Flor há mais de 16 anos. A escola decretou luto oficial por três dias. Neguinho da Beija-Flor lamentou a morte do amigo nas redes sociais. " Infelizmente uma triste notícia.... Nosso querido Léo Mídia acaba de nos deixar precocemente. Um excelente profissional e amigo. Descanse em paz", escreveu Neguinho em parte de um texto postado.

Segundo a Polícia Civil, a Delegacia de Homicpídios da Baixada Flumiense vai investigar o assassinato.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos