Intéprete de libras é acusado inventar sinais no horário eleitoral

Reprodução

O Tribunal Regional Eleitoral do Espírito Santo (TRE-ES) suspendeu uma propaganda eleitoral na televisão em que um intérprete de libras é acusado de inventar sinais para as pessoas com deficiência auditiva. A informação é do portal G1.

Responsável pelo pedido de suspensão, a Associação de Surdos de Vitória disse que o intérprete não é fluente em libras e inventa sinais.

Identificado como Cássio Veiga, o intérprete disse ao G1 que tem uma interpretação mais prática da língua brasileira de sinais para facilitar o entendimento dos deficientes auditivos.

Cássio já foi preso em Vila Velha (ES) acusado de fraudes envolvendo vendas de casas próprias

Veja o desempenho do suposto intérprete a partir dos 4min do vídeo abaixo