Federações de 9 modalidades aprovam Parque de Deodoro para Jogos de 2016

São Petersburgo (Rússia), 29 mai (EFE).- As federações de hipismo, tiro, hóquei, ciclismo BMX, esgrima, canoagem, rúgbi, pentatlo moderno e basquete aprovaram nesta quarta-feira que o comitê organizador dos Jogos Olímpicos de 2016, no Rio de Janeiro, agrupe as modalidades em um novo Parque Olímpico, no bairro de Deodoro.

O presidente do comitê organizador - e do Comitê Olímpico Brasileiro (COB) -, Carlos Arthur Nuzman, e o diretor de Esportes Agberto Guimarães apresentaram as características do projeto em São Petersburgo, na Rússia, onde as federações estão reunidas em sua convenção anual, a Sportaccord.

Hipismo, tiro, hóquei, ciclismo BMX, esgrima e canoagem terão sedes permanentes construídas no novo Parque Olímpico, enquanto rúgbi e pentatlo moderno serão disputados em estádios provisórios. Em Deodoro, na zona oeste da cidade, também haverá partidas das fases iniciais da competição de basquete, em pavilhão que será transformado posteriormente em arena multiuso.

O Parque Olímpico original está localizado na Barra da Tijuca, reunindo a maioria dos esportes de luta, a natação e o tênis. Ainda há uma terceira grande área de instalações, a chamada 'zona Maracanã', onde serão disputados o atletismo, o futebol e o vôlei.

As obras para a construção do Parque de Deodoro deverão ser iniciadas em abril de 2014, com previsão de entrega para outubro de 2015. Seu orçamento, no entanto não foi revelado, segundo Nuzman, porque "o responsável é o governo".

Nuzman garantiu durante a convenção de federações que Deodoro é a região do Rio de Janeiro com maior população jovem, e que ali será criado um complexo sócio-esportivo para que "não se faça algo só para uma competição".

A Federação Internacional de Hóquei, que era a maior opositora ao novo Parque, apontou nesta quarta-feira que o projeto final é melhor do que o apresentado inicialmente, e que está satisfeita com a companhia de outras modalidades no local. EFE