Interventor manifesta plena confiança na polícia do DF e descarta repetição de ataques de domingo nesta 4ª

Tropa da Força Nacional de Segurança é colocada em frente ao Palácio do Planalto

Por Eduardo Simões

(Reuters) - O interventor federal na segurança pública do Distrito Federal, Ricardo Cappelli, descartou a possibilidade de uma repetição dos atos de vandalismo vistos no domingo contra as sedes dos Três Poderes durante protestos convocados para esta quarta-feira por apoiadores do ex-presidente Jair Bolsonaro.

Em entrevista coletiva em Brasília na qual falou sobre o esquema de segurança para os atos desta quarta, Cappelli, nomeado interventor após os ataques de vândalos no domingo, manifestou "plena confiança" na Polícia Militar e nas demais forças de segurança do DF, acrescentando que, ao contrário do que ocorreu no domingo, nesta quarta haverá comando e ele acompanhará a operação policial pessoalmente.

Ele disse ainda que a Esplanada dos Ministérios será parcialmente fechada e que os servidores e a equipe do governo do presidente Luiz Inácio Lula da Silva trabalharão normalmente pois a segurança está garantida.

(Por Eduardo Simões, em São Paulo)