Inundações na China deixam pelo menos 12 mortos e milhares de desabrigados

Inundações no sudoeste e noroeste da China deixaram pelo menos 12 mortos e milhares de desabrigados. Na província de Sichuan, no sudoeste, pelo menos seis pessoas morreram e outras 12 estão desaparecidas, depois que chuvas torrenciais provocaram inundações repentinas, segundo reportagem do The Guardian. Cerca de 1.300 pessoas tinham sido evacuadas até sábado.

Temperatura de 40ºC: Após calor recorde, governo do Japão pede que 37 milhões de pessoas economizem energia

Veja fotos: Onda de calor recorde no Reino Unido leva milhares às praias

Vídeo: Incêndios florestais expulsam milhares de pessoas de casa na Europa

Enquanto isso, na cidade de Longnan, na província de Gansu, no noroeste, outras seis mortes foram relatadas e três mil pessoas foram retiradas de suas casas. A precipitação em um dia e meio foi de 98,9mm nas áreas mais afetadas, quase o dobro da média de julho.

As chuvas ocorrem em meio a uma onda de calor em partes do país, incluindo a cidade de Xangai, com temperaturas chegando a 42°C, na semana passada. O calor deve retornar esta semana em muitas partes da China, durando até o fim de agosto.

Especialistas lembram que esses eventos climáticos extremos estão se tornando mais prováveis ​​por causa das mudanças climáticas. O ar mais quente pode armazenar mais água, levando a maiores rajadas de nuvens quando é liberado.

Calor no mundo

A China não é o único país com clima em situação extrema. Portugal, Espanha, França, Grécia e Marrocos estão lutando contra incêndios florestais, em dezenas de milhares de hectares, enquanto a onda de calor desta semana continua trazendo temperaturas extremas e causando centenas de mortes no sudoeste da Europa.

Ondas de calor: Europa cozinha em calor devastador enquanto queima mais carvão

No Reino Unido, o primeiro alerta vermelho para calor excepcional entrou em vigor, com temperaturas previstas para subir até 41°C.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos