IPTU terá reajuste de 4,23% em 2021 no Rio

Luiz Ernesto Magalhães
·1 minuto de leitura
Gabriel Monteiro / Agência O Globo

RIO — O IPTU de 2021 terá um reajuste de 4,23%. O percentual corresponde a inflação acumulada nos últimos 12 meses pelo IPCA-E, calculado pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). O percentual do reajuste foi divulgado nesta terça-feira, quando o IBGE divulgou a inflação acumulada do último trimestre do ano (tendo como referência o período entre 15 de setembro e 15 de dezembro). A cota única e a primeira parcela vencem no dia 5 de fevereiro. Assim como nos últimos anos, quem optar por quitar o tributo à vista, terá um desconto de 7%.

IPVA 2021: governo divulga tabela de valor de mercado dos veículos usada no cálculo do imposto

O percentual de reajuste é bem semelhante ao concedido de 2019 para 2020, quando o IPCA-E ficou em 4,22%. O cronograma do IPTU de 2021 é o seguinte:

Cota única e primeira parcela: 5 de fevereiroSegunda parcela: 5 de marçoTerceira parcela: 8 de abrilQuarta parcela: 7 de maioQuinta parcela: 8 de junhoSexta parcela: 7 de julhoSétima parcela: 6 de agostoOitava parcela: 8 de setembroNona parcela: 7 de outubroDécima parcela: 8 de novembro

A partir de 2021, para reduzir os gastos, a prefeiutra decidiu que não vai enviar mais carnês para a popualção e sim uma guia única. Aqueles contribuintes que optarem pelo pagamento em cotas poderão pagar a primeira parcela com o código de barras disponível na guia de cobrança. As outras cotas deverão ser emitidas pela internet, pelo portal Carioca Digital (www.carioca.rio). A distribuição das guias será em janeiro.