Irã domina partida e pune o País de Gales nos acréscimos: 2 a 0

No jogo em que Gareth Bale se tornou o jogador que mais atuou pela seleção do País de Gales na história, com 110 participações, os donos da festa foram os iranianos. Pela segunda rodada da Copa do Catar, nesta sexta-feira, a equipe asiática puniu os galeses duas vezes nos acréscimos, após domínio no tempo regulamentar.

Com dificuldades de criar, os galeses viram um Irã — animado pela entrada do astro Azmoun na equipe titular — assustar na transição ofensiva, inclusive com gol anulado no primeiro tempo.

O jogo parecia resolvido até a expulsão do goleiro Henessey, em dividida violenta com Taremi que passou de cartão amarelo a vermelho após consulta ao VAR.

Com um a mais, os iranianos se lançaram ao ataque nos nove minutos de acréscimo. Deu certo: Cheshmi e Rezaeian marcaram em lances justamente de contra-ataque e garantiram uma vitória justa. O Irã assume a segunda colocação do grupo B, com 3 pontos. Gales é lanterna, com 1.