Israelitas começam a votar nas eleições legislativas

Sob um forte dispositivo de segurança, os israelitas começaram hoje a votar nas eleições legislativas, as quintas em menos de quatro anos.

Deverão escolher entre 39 partidos, apesar de só uma dezena ter assento no Knesset, o parlamento israelita.

As sondagens não dão maioria a ninguém, mas o Likud, do antigo primeiro-ministro Benjamin Netanyahu, será, ao que tudo indica, o partido mais votado.

No entanto, não é certo que consiga a maioria necessária de 61 deputados e formar coligação para governar.

As últimas sondagens dão ao bloco de direita de Netanyahu 60 assentos e 56 ao primeiro-ministro cessante, o centrista Yair Lapid e aliados.

À falta de um vencedor claro, os partidos nacionalistas de extrema-direita e as formações árabes terão um papel decisivo nos resultados.

Depois do escrutínio, os partidos têm quase três meses para negociar uma coligação.

Se não conseguirem, os israelitas terão de voltar às urnas.