Itália paga até R$ 75 mil para pessoas se mudarem para ilha da Sardenha

Itália promete pagar até R$ 75 mil às pessoas que se mudarem para ilha da Sardenha, com algumas condições. Foto: Getty Images.
Itália promete pagar até R$ 75 mil às pessoas que se mudarem para ilha da Sardenha, com algumas condições. Foto: Getty Images.
  • O governo da ilha da Sardenha está oferecendo a quantia de € 15 mil para quem se mudar para a região;

  • O programa de subsídios visa combater a diminuição da população em cidades e vilas rurais;

  • A região tem cerca de 1,6 milhão de habitantes.

Você provavelmente já fantasiou a possibilidade de morar em uma ilha isolada de tudo. Talvez só não tenha imaginado que seria possível receber dinheiro para viver em um local desses. Pois saiba que é isso que o governo da ilha da Sardenha, na Itália, está fazendo, mas com algumas condições.

O governo aprovou um programa de transferência de rendas às pessoas que quiserem se mudar para a região, em que oferece até € 15 mil, cerca de R$ 75,7 mil, na cotação atual.

Contudo, há pré-requisitos para tornar o sonho realidade: o valor em questão deve ser destinado à compra ou reforma de casa em um município que tenha menos de 3 mil habitantes. Além disso, o interessado deve se registrar como morador permanente de até 18 meses após a chegada no local.

Leia também:

A ilha, localizada no Mar Mediterrâneo, é famosa por receber milhares de turistas durante o verão europeu. O território abarca mansões de figuras poderosas, como o ex-primeiro-ministro da Itália, Silvio Berlusconi. A região também atraía muitos turistas da Rússia até as sanções impostas em resposta à invasão da Ucrânia.

O problema da região é que depois que o calor se dissipa, e o período festivo acaba, a ilha, já quase isolada, torna-se vazia.

Com cerca de 1,6 milhão de habitantes, a região tem uma área de 24 quilômetros quadrados, ou seja, quase três vezes o tamanho da região metropolitana de São Paulo.

De acordo com o Guiness, o livro dos recordes, a ilha da Sardenha é uma localizações com mais pessoas centenárias do mundo. Enquanto isso, é comum que a população jovem saia da lá em busca de trabalho em outras partes da Itália ou no exterior.

Foi em meio a esse cenário, o governo criou uma reserva de € 45 milhões, o equivalente R$ 227 milhões, para atrair novos moradores.

*As informações são da Euronews.