Itamaraty diz que Elizabeth 2ª foi símbolo de liderança e estabilidade para o mundo

BRASÍLIA, DF (FOLHAPRESS) - O Itamaraty divulgou nesta quinta-feira (8) nota de pesar pela morte da rainha Elizabeth 2ª na qual destaca que, ao longo dos mais de 70 anos de reinado, a "monarca mais longeva na história do Reino Unido foi símbolo de liderança e estabilidade para o país e para o mundo."

O ministério lembra que a visita que a rainha fez em 1968 a Recife, Salvador, Brasília, São Paulo, Campinas e Rio de Janeiro foi um "marco da amizade entre o Brasil e o Reino Unido".

"Rememorar a visita da Rainha Elizabeth 2ª e do Duque de Edimburgo ao Brasil é valorizar a parceria estratégica entre o Brasil e o Reino Unido, que abrange grande número de áreas -comércio, saúde, investimentos, intercâmbio acadêmico, ciência e tecnologia- e que tem, como objetivo maior, contribuir para o bem-estar de brasileiros e britânicos, em prol do progresso de ambos os países", complementa o comunicado.