Iza estreia como apresentadora do Prêmio Multishow, que tem categoria inédita

Naiara Andrade
·4 minuto de leitura

A pandemia da Covid-19 parou (quase) tudo neste 2020. Mas, se teve um setor que soube se reinventar, foi o da música: estão aí as lives para comprovar. É mais do que justo, portanto, que a experiência de entretenimento virtual ganhe espaço na 27ª edição do Prêmio Multishow, que vai ao ar nesta quarta-feira (11), a partir das 22h30, no canal por assinatura. O tema da vez é “A música não para”, e a categoria Live do Ano é a novidade, ao lado de uma das integrantes do trio de apresentadores: Iza se junta aos veteranos Paulo Gustavo e Tatá Werneck no comando da celebração. Do Rio, eles revelarão ao vivo os vencedores da noite e farão conexão com cinco palcos regionais.

— O Multishow sempre me põe em situações inusitadas. Foi lá que aprendi a apresentar (no “Música boa ao vivo”). Agora, vou estar ao lado desses ícones... Apesar do frio na barriga, sei que vou me divertir à beça! — diz Iza, que também concorre como Cantora do Ano e vai interpretar o hit “Meu talismã”.

Bruno & Marrone, Caetano Veloso, Gusttavo Lima, Ivete Sangalo e Marília Mendonça são os concorrentes na inédita Live do Ano. Quem assistiu às performances virtuais sabe que umas divertiram e emocionaram, outras polemizaram.

— Foi uma honra poder levar alegria e um pouco de leveza a tantas pessoas, num momento tão delicado. O fortalecimento foi mútuo. À medida que cantava, sentia o carinho das pessoas, e era recíproco — afirma Ivete, que arrastou os móveis da sala de casa e levantou poeira vestida com um pijamão cor-de-rosa, em sua primeira live.

Em 8 de abril, sua estreia nos shows virtuais, Marília Mendonça bateu um recorde mundial no YouTube, com a marca de 3,3 milhões de acessos simultâneos. O feito foi citado até no jornal americano “The New York Times”.

— O objetivo principal sempre foi usar a live, único meio que a gente tinha no momento, para ajudar pessoas com a arrecadação de doações. Toda a repercussão e os números, claro, me deixaram extremamente feliz, mas principalmente orgulhosa de ver a força do sertanejo — celebra a loura.

Gusttavo Lima, que também concorre nas categorias Cantor do Ano e Música do Ano, exalta a performance de Bruno & Marrone, com quem disputa o prêmio em Live do Ano.

— Eles protagonizaram lives inesquecíveis e divertidíssimas, tirando o lençol do fantasma, literalmente (risos). Sou fã! — ressalta o artista, que foi criticado pelos excessos com bebidas alcoólicas em suas apresentações virtuais: — Não me arrependo de nada. Estou certo de que nós, artistas, fizemos nosso papel e prestamos um serviço social, arrecadando toneladas de alimentos. É o que importa.

Palcos em cinco estados

Este ano, haverá vários palcos espalhados pelo país, para performances musicais. A plateia será totalmente virtual, formada por fãs dos indicados que se inscreveram pelo site da premiação.

No Rio, vão se apresentar Dilsinho, Lexa, Ludmilla, Lulu Santos, Kevinho, Pedro Sampaio e Teresa Cristina. Na Bahia, uma estrutura foi montada para Ivete Sangalo. Já no Ceará, quem canta é Wesley Safadão, enquanto Minas Gerais sediará as apresentações de Skank e Jota Quest.

São Paulo, por sua vez, vai ter Luísa Sonza dividindo o palco com Léo Santana (com quem ela lançou o single “Século 21”) e com MC Zaac (seu parceiro em “Toma”).

OS INDICADOS

Cantor do Ano

Dilsinho, Emicida, Gusttavo Lima, Vitão e Vitor Kley

Cantora do Ano

Anitta, Ivete Sangalo, Iza, Luísa Sonza e Marília Mendonça

Música do Ano

“A gente fez amor” (Gusttavo Lima), “A tal canção pra lua” (Vitor Kley e Samuel Rosa), “Desce pro play (Pa pa pa)” (MC Zaac, Anitta e Tyga), “Liberdade provisória” (Henrique & Juliano”) e “Verdinha” (Ludmilla)

Experimente

Agnes Nunes, Elana Dara, Fran, Giulia Be e Menos É Mais

Live do Ano

Bruno & Marrone, Caetano Veloso, Gusttavo Lima, Ivete Sangalo e Marília Mendonça

Grupo do Ano

BaianaSystem, Jota Quest, Lagum, Melim e Sorriso Maroto

Música Chiclete do Ano

“Braba” (Luísa Sonza), “Desce pro play (Pa pa pa)” (MC Zaac, Anitta e Tyga), “Menina solta” (Giulia Be), “Sentadão” (Pedro Sampaio, Felipe Original, JS O Mão de Ouro) e “Tudo Ok” (Thiaguinho MT, Mila, JS O Mão de Ouro)

Dupla do Ano

Anavitória, Henrique & Juliano, Jorge & Mateus, Sandy & Junior e Zé Neto & Cristiano

Clipe TVZ do Ano

“Amor de quê” (Pabllo Vittar), “Asas” (Luan Santana), “Combatchy” (Anitta, Lexa, Luísa Sonza e MC Rebecca), “Crise de saudade” (Léo Santana) e “Malokera” (MC Lan, Skrillex, TroyBoi, Ludmilla e Ty Dolla $ign)

*Superjúri*

Nas categorias a seguir, os vencedores não são escolhidos pelo público, mas por um júri especializado:

Revelação do Ano

Ana Frango Elétrico, Jup do Bairro e Rosa Neon

Canção do Ano

“Amor de quê” (Pabllo Vittar), “Braille” (Rico Dalasam e Dinho) e “Vem me satisfazer” (MC Ingryd e DJ Henrique da VK)

Álbum do Ano

“AmarElo” (Emicida), “Little electric chicken heart” (Ana Frango Elétrico) e “Rastilho” (Kiko Dinucci)

Clipe/ produtor /capa/gravação... do Ano

Os vencedores dessas categorias são decididos na hora pelo júri