Jô Soares protagonizou única novela em que fez na carreira

Além de se consagrar como apresentador de TV e estrela de programas humorísticos, Jô Soares teve a chance de atuar em uma novela e foi logo protagonista. A estreia no gênero se deu em 1965, em "Ceará contra o 007". A trama tinha um forte viés humorístico, algo que o então ator já demonstrava nos esquetes que fazia no programa "Praça da alegria".

A novela foi exibida na TV Record e tinha ainda no elenco Ary Toledo, Ronald Golias e Adoniran Barbosa. Jô interpretou Jaime Blond e fazia uma paródia do agente secreto mais famoso da história do cinema. O pano de fundo da história era uma investigação para prender bandidos que estavam de olho numa fórmula secreta de um poderoso limpador. Mas é claro que o agente vivia entrando em trapalhadas.

O sucesso da trama catapultou Jô Soares para outro formato de sucesos: "Família Trapo", programa que esteve no ar por quatro anos na mesma emissora, até que o artista migrou para a TV Globo, em 1971.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos