Júri dos EUA decide que Bill Cosby agrediu sexualmente uma adolescente há quase 50 anos

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.

Um júri da Califórnia determinou nesta terça-feira (21) que o artista Bill Cosby atacou sexualmente uma adolescente na Mansão Playboy há quase cinco décadas.

Judy Huth, agora com 64 anos, recebeu US$ 500.000 em danos depois que um júri em Santa Monica determinou que Cosby a molestou em 1975, quando ela tinha apenas 16 anos.

O caso é uma das ações judiciais que ainda pesam sobre Cosby, 84 anos, acusado de agressão por dezenas de mulheres.

Ele foi preso na Pensilvânia em um caso criminal separado em 2018, mas foi libertado no ano passado quando sua condenação foi anulada por um detalhe técnico.

Durante duas semanas de audiências civis, às quais Cosby não compareceu, os advogados disseram que o humorista e ator acompanhou Huth e sua amiga de 17 anos, Donna Samuelson, à mansão depois de conhecê-las em um set de filmagem.

Cosby negou qualquer crime, e seus advogados notaram aparentes discrepâncias no relato de Huth, incluindo que as duas adolescentes passaram até 12 horas na mansão após o suposto ataque.

Eles também argumentaram que Huth havia alegado originalmente que o ataque ocorreu em 1974, quando ele tinha 15 anos, mas depois afirmou que os eventos aconteceram um ano depois.

O caso nunca foi processado criminalmente, pois o suposto crime havia prescrito quando Huth falou com a polícia.

Huth conseguiu entrar com a ação civil sob uma lei da Califórnia que permite que adultos digam que foram abusados sexualmente quando menores, mas que reprimiram o ocorrido por anos.

Cosby foi uma figura distinta na cultura popular americana do século XX, alcançando sucesso como o obstetra e pai afável Cliff Huxtable em "The Cosby Show", que foi ao ar de 1984 a 1992.

Mas quase 60 mulheres chamaram Cosby publicamente de um predador calculista em série que por quatro décadas dopou suas vítimas com sedativos e álcool para estuprá-las.

hg/bfm/atm/am

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos