Júri eleitoral anuncia Castillo como novo presidente do Peru

·1 minuto de leitura
O candidato de esquerda à presidência do Peru, Pedro Castillo

O Júri Nacional de Eleições (JNE) do Peru proclamou nesta segunda-feira o professor esquerdista Pedro Castillo novo presidente do Peru, seis semanas após o segundo turno, em que ele enfrentou a candidata de direita Keiko Fujimori.

"Proclamo presidente da república don José Pedro Castillo Terrones", anunciou em breve cerimônia virtual o titular do JNE, Jorge Luis Salas, depois que o órgão concluiu a análise das impugnações e apelações de Keiko.

Dessa forma, o JNE valida a apuração atualizada de 100% das atas do órgão eleitoral (Onpe), que deu a vitória a Castillo, com 50,12% dos votos, contra 49,87% para Keiko. Horas antes, a direitista anunciou que iria reconhecer o resultado.

O novo presidente deve tomar posse no próximo dia 28, quando termina o mandato do presidente interino, Francisco Sagasti, e dia em que o Peru irá comemorar o bicentenário da independência.

A filha do ex-presidente preso Alberto Fujimori havia denunciado uma suposta fraude em favor de Castillo, sem apresentar provas, apesar de os observadores da OEA, dos Estados Unidos e da União Européia terem afirmado que a votação foi limpa.

Castillo obteve 44.263 votos a mais do que a adversária, segundo a contagem atualizada validada pelo JNE, órgão autônomo formado por quatro membros.

fj/rsr/lb

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos