'Jamais venderemos Mbappé', garante presidente do PSG

·2 minuto de leitura

Presidente do PSG, o qatari Nasser Al-Khelaifi voltou a garantir que o clube não pensa em vender Mbappé. Em entrevista ao jornal francês "L'Équipe", o dirigente comentou sobre o processo de renovação com sua estrela e disse que o francês não deixará o clube, independente do tipo de negociação.

— Serei claro. Kylian fica no PSG. Jamais o venderemos e ele nunca sairá de graça — cravou Al-Khelaifi. O dirigente afirmou que acredita que o francês ainda vencerá a Bola de Ouro, e que não há projeto que possa competir com o de seu clube para atrair o jogador.

Com contrato até junho de 2022, Mbappé negocia a renovação com o clube parisiense. A imprensa francesa especula que o interesse de outros gigantes do futebol europeu pode estar atrasando a negociação, mas o presidente voltou a mostrar otimismo.

— Não dou detalhes à imprensa sobre negociações em andamento. Tudo que posso dizer é que as coisas estão progredindo bem. Espero que consigamos chegar a um consenso — avaliou o qatari.

Artilheiro da Ligue 1 pela terceira temporada seguida, com 27 gols em 31 jogos, o jogador foi o destaque individual de uma temporada decepcionante para o PSG. O clube ficou com o vice-campeonato nacional (o título ficou com o Lille) e foi eliminado nas semifinais da Champions League, contra o Manchester City. Dos principais títulos em disputa, os parisienses obtiveram apenas o troféu da Copa da França.

Sob o comando de Mauricio Pochettino, o clube tenta reformular seu elenco no mercado. Perguntado sobre o momento de instabilidade e o quanto ele pode afetar o futuro de Mbappé, o presidente se mostrou firme:

— Se ele espera garantias de qualidade na equipe? Se ele nos disser isso, mostra que quer ganhar, e isso não é ruim. Nós somos ambiciosos também. Só não será possível que ele escolha quem contrataremos. Repito, é um grande garoto e tenho certeza que quer um time melhor para vencer a Champions League.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos