Janones assume 'janonismo cultural' e manda fazer camisetas

***FOTO DE ARQUIVO*** SÃO PAULO, SP, 26.09.2022 - O deputado federal André Janones. (Foto: Mathilde Missioneiro/Folhapress)
***FOTO DE ARQUIVO*** SÃO PAULO, SP, 26.09.2022 - O deputado federal André Janones. (Foto: Mathilde Missioneiro/Folhapress)

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - O deputado federal André Janones (Avante-MG) mandou fazer 30 camisetas com a expressão "Janonismo Cultural", que surgiu durante a campanha eleitoral para definir seu estilo de fazer política, sobretudo nas redes sociais.

Segundo relata, a primeira, utilizada por ele na quarta-feira (2), foi feita por sua assessoria. "Eu gostei tanto que mandei fazer umas agora para dar", afirma.

Na madrugada desta quarta (2), o humorista Gregório Duvivier postou uma foto com o deputado, vestindo a camiseta. "Completamente janonizado", escreveu Duvivier em uma rede social.

O deputado foi acusado por críticos de adotar os mesmos métodos dos apoiadores de Bolsonaro, com postagens distorcidas ou falsas.

No início do segundo turno, o próprio Janones definiu o termo em entrevista à Folha de S.Paulo. "Muita gente fala de 'janonismo' como sinônimo de baixar o nível. Não é baixar o nível, é dialogar de acordo com as regras que estão sendo colocadas. O bolsonarismo desceu o nível da política. E agora a gente tem que combatê-lo. Para combater, essa é a única arma que a gente tem", disse.

Não é a primeira vez que o parlamentar manda fazer camisetas com temas ligados às eleições de 2022.

No dia 30, foi votar com uma vestimenta na qual se lia "Vote como um nordestino". Em outra, encomendada por ele, lia-se "Responde o Janones, Carluxo", fazendo referência ao filho do presidente Carlos Bolsonaro, com quem Janones rivalizou nas redes sociais.