Jantar de gala em Paris para comemorar Independência do Brasil gera indignação

No início da noite desta sexta-feira (13), uma centena de franceses e brasileiros se reuniram em uma noite de gala no Hotel InterContinental de Paris para celebrar o bicentenário da Independência do Brasil com um jantar de adesão que custou € 210 (cerca de R$ 1.110) por pessoa. Membros do grupo Alerta França Brasil foram protestar e entregaram uma carta ao embaixador do Brasil na França.

O convite era claro: "Noite de Gala Franco-Brasileira por Ocasião do Bicentenário da Independência do Brasil, sob o patrocínio de Luís Fernando Serra, embaixador do Brasil na França..." e a ele se seguiam nomes de nobres franceses, das associações Liens Hors Frontières (algo como Laços sem Fronteiras) e Le Lys de France (Lírio da França, sendo que o lírio é um símbolo da monarquia francesa).

Apesar disso, o embaixador Luís Fernando Serra disse à RFI não ser anfitrião do evento: "Ontem comemoramos o bicentenário da Independência com um concerto na Embaixada. Hoje, estamos comemorando com este jantar de gala, que é uma iniciativa da associação Liens Hors Frontières. Eu sou convidado. Eu sou o único que não paga o jantar aqui. Não é minha iniciativa — é por ocasião do bicentenário — e não tem dinheiro público envolvido aqui", frisou o embaixador.

Dois membros do pequeno grupo que protestava pacificamente em frente ao hotel conseguiram ter acesso ao salão Opéra, onde aconteceu o coquetel, primeira etapa da noite de gala, ao som de bossa nova.

Elas questionaram o embaixador sobre o porquê de se comemorar o bicentenário da Independência (em 7 de setembro de 1822) no dia da Abolição da Escravatura (com a Lei Áurea, em 13 de maio de 1888) em uma festa em que só havia pessoas brancas.


Leia mais

Leia também:
"Nossa economia não depende do turismo", diz embaixador brasileiro sobre suspensão de voos pela França
Embaixador do Brasil na França aposta em mudança no comando do Congresso para destravar reformas
Militares são os maiores defensores da Amazônia, diz novo embaixador do Brasil na França

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos