Japão emite alerta especial de tufão, com tempestade “sem precedentes” se aproximando

TÓQUIO (Reuters) - A Agência Meteorológica do Japão emitiu um alerta especial de tufão neste sábado para a prefeitura de Kagoshima, em Kyushu, a mais ao sul das principais ilhas do Japão, no momento em que a região se prepara para um super tufão poderoso e potencialmente destrutivo.

O alerta chegou após a agência meteorológica ter pedido que os moradores se retirassem de partes de Kyushu mais cedo no mesmo dia, antes do tufão Nanmadol, que deve trazer até meio metro de chuva quando atingir a região no domingo.

O Nanmadol, classificado como um super tufão pelo Centro de Alerta Conjunto de Tufão da Marinha dos EUA, tem o potencial de ser a tempestade tropical mais destrutiva a atingir o Japão em décadas.

O 14º tufão desta temporada estava próximo da ilha de Minami-Daito, no sul do Japão, dirigindo-se ao noroeste a 20 km/h, na tarde de sábado. Ventos no centro da tempestade sopravam a 198 km/h, com rajadas de até 270 km/h, segundo a agência japonesa.

Tempestades e chuvas “sem precedentes” podem atingir a área, disse Ryuta Kurora, autoridade da Agência Meteorológica do Japão, em uma entrevista coletiva transmitida pela televisão, pedindo que moradores se retirem do local antes do anoitecer.

(Por Rocky Swift)