Japonesa que vive na Bélgica há dez anos é eleita prefeita de cidade no distrito de Tóquio

Uma japonesa que mora na Bélgica há mais de dez anos foi eleita prefeita da cidade de Suginami, situada no distrito de Tóquio. Satoko Kishimoto, de 47 anos, fez sua campanha quase totalmente de modo digital e derrotou o atual mandatário do município, que tentava ficar mais quatro anos no cargo.

Violência: Padres jesuítas são assassinados quando tentavam proteger homem perseguido por cartel no México

Veja fotos: Como era por dentro do restaurante flutuante de Hong Kong que afundou na China

Satoko vive na cidade belga de Leuven com seu marido e dois filhos. Mas nunca deixou de manter vínculos com a terra natal. Durante a pandemia de Covid-19 ela participou de debates públicos sobre a situação em Suginami.

— Ela se tornou muito popular com o movimento progressista no Japão e foi convidada a concorrer a prefeito em Suginami — disse Olivier Hoedeman, marido de Satoko, ao jornal "The Brussels Times". — Ela é muito interessada em política e através de seu trabalho para o Transnational Institute em Amsterdã, ela sabe muito sobre o assunto — acrescentou.

Vídeo: Polícia chinesa resgata 386 cães que seriam levados para festival de carne de cachorro

Hoedeman disse que Satoko ficou "muito entusiasmada" com o convite para concorrer ao cargo de prefeita. Mas mesmo assim ela o resultado da eleição foi "uma grande suspresa".

A família ainda não sabe se irá mudar-se para o Japão, pois seus filhos ainda frequentam a escola secundária.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos