Jay-Z lança campanha publicitária de sua marca de maconha

Marcus Couto
·2 minuto de leitura
Campanha da Monogram
Campanha da Monogram
  • Marca de maconha de Jay-Z lançou campanha publicitária.

  • Fotos são inspiradas na “boa vida” americana do século passado.

  • Mas na nova versão, cigarros de maconha foram incluídos.

O rapper e empresário Jay-Z revelou ao público a primeira parte de uma campanha publicitária que vai promover a sua marca de maconha e de produtos relacionados à cannabis, a Monogram.

Leia também:

A campanha é inspirada no trabalho do fotógrafo Slim Aarons, que capturou um estilo de vida “luxuoso” nos Estados Unidos da metade do século passado.

Baixe o app do Yahoo Mail em menos de 1 min e receba todos os seus emails em 1 só lugar

Siga o Yahoo Finanças no Google News

Na reapropriação feita pelo time criativo de Jay-Z, a mesma ideia foi reproduzida, mas com um grupo diverso – em piscinas, gramados verdes e, claro, com cigarros da maconha da Monogram.

As fotos foram feitas por Hype Williams, conhecido no universo do hip-hop.

Assista ao vídeo dos bastidores da campanha:

Lançamento em dezembro

Após meses de suspense, Jay-Z lançou no final do ano passado sua linha de maconha de luxo, a Monogram. A marca havia sido anunciada pela primeira vez em outubro.

Parte de uma parceria com a marca de maconha Caliva, a linha tem como objetivo “elevar” o nível de qualidade do mercado de maconha nos Estados Unidos com produtos “premium”.

No lançamento, a marca vai trabalhar com quatro linhas diferentes da planta. Cada uma delas possui níveis diferentes de THC, a substância psicoativa da maconha, para variados efeitos sobre o sistema nervoso.

Um dos produtos é um pacote de 2 gramas, que vem num estojo especial resistente a luz ultravioleta, por R$ 204. Outro pacote maior inclui 4 gramas de flores “cultivadas em pequenos lotes para manter o controle e a qualidade”, por R$ 358.

Todos os produtos estão disponíveis apenas nos Estados Unidos.

Há também um estojo de cigarros pré-enrolados, também por R$ 204, e por fim, uma cigarrilha maior, inspirada na “experiência de fumar um charuto premium”, feita por “artesãos altamente treinados que quebram a flor com as mãos e a enrolam em um processo que leva tempo, criado especialmente pelo embaixador de cultura e cultivo da Monogram, DeAndre Watson”. Esse último sai por R$ 255, junto a um estojo.

Assine agora a newsletter Yahoo em 3 Minutos

Siga o Yahoo Finanças no Instagram, Facebook, Twitter e YouTube