Jean Wyllys, Serginho, Doutor Marcelo, Angélica Morango... Relembre os participantes LGBTQIA+ do 'BBB' e veja como estão agora

·6 minuto de leitura

Alguns deles fizeram questão de não esconder a orientação sexual durante o confinamento, outros preferiram manter a discrição. Há aqueles ainda que revelaram a sexualidade após o fim de sua participação na casa mais vigiada do Brasil. Fato é que, ao longo de quase duas décadas, o "Big Brother Brasil" teve participantes LGBTQIA+ que se destacaram. Há, inclusive, dois campeões de edições no time: o professor universitário e jornalista Jean Wyllys, do "BBB 5", e a veterinária Vanessa Mesquita, do "BBB 14".

Veja a lista com alguns desses participantes e saibam como eles estão agora.

Andre Gabeh - "BBB 1"

Andre Gabeh participou da primeira edição do "Big Brother Brasil", em 2002. Ele não levandou bandeiras a respeito de sua orientação sexual no período em que ficou na casa. Artista, Andre é cantor (já soltava o vozeirão no programa) e também escritor: é autor de livros sobre a cultura africana. Ele terminou a edição de estreia em terceiro lugar.

Cristiano Carnevale - "BBB 4"

Cristiano Carnevale foi eliminado na terceira semana do confinamento, em 2004. À época, ele já era casado com um homem, mas não falou sobre o assunto durante sua permanência no "BBB". A mãe do ex-brother não tinha conhecimento sobre a orientação sexual do filho. Anos depois ele assumiu a homossexualidade e surpreendeu ao surgir na internet bastante musculoso. Cristiano, atualmente, mora no Chile com o marido.

Jean Wyllys - "BBB 5"

Professor universitário e jornalista, Jean Wyllys foi o campeão do "Big Brother Brasil 5", em 2005. Foi nesta edição que a atriz Grazi Massafera conquistou o segundo lugar da edição. Jean seguiu carreira na política e foi eleito deputado federal por duas vezes. Ele, porém, desistiu do último mandato e decidiu sair do país após receber ameaças de morte. Jean vive na Alemanha.

Dr. Marcelo - "BBB 8"

O psiquiatra Marcelo Arantes foi um dos nomes que mais chamou atenção em sua edição, em 2008. Polêmico e com opiniões fortes, ele se envolveu em discussões que muita gente ainda lembra. O ex-participante falou sobre sua sexualidade durante o confinamento, pouco tempo após o início da temporada. Marcelo foi o nono eliminado do "BBB" naquele ano. Ele continua exercendo sua profissão.

Serginho Orgastic - "BBB 10"

Serginho chegou chamando atenção pela naturalidade que lidava com sua homossexualidade, na edição de 2010. Bastante jovem à época, o ex-BBB já demonstrava bastante estilo e originalidade. Sua ligação com a moda, aliás, perdurou. Basta dar uma olhada em seu perfil no Instagram do influenciador digital.

Dicesar - "BBB10"

Dicesar foi a primeira drag queen a participar de um "Big Brother Brasil". Durante sua permanência na casa, conviveu bastante com Serginho. Após deixar o programa, trabalhou por sete anos como repórter do programa da Eliana e passou por outras emissoras de TV. Atualmente, o maquiador trabalha numa loja de rua em São Paulo.

Angélica - "BBB10"

Angélica também integrou o time LGBTQIA+ daquela edição. Conhecida como Morango, foi a sétima participante a deixar o confinamento. Jornalista, Angélica é colunista de um portal e mantém presença nas redes sociais.

Ariadna - "BBB 11"

Ariadna foi a primeira mulher transgênero a participar do "BBB". Ela chegou a participar de alguns programas de televisão após ser eliminada do programa, mas, posteriormente, foi embora do país. Hoje em dia, Ariadna, que é seguida por mais 720 mil pessoas no Instagram, vive na Itália com o marido.

Daniel Rolim - "BBB 11"

Daniel Rolim protagonizou cenas hilárias durante sua participação no programa. Especialmente quando dividia sua dança com um... coqueiro. O pernambucano foi o terceiro colocado naquela edição. Advogado, Daniel se dedica também ao abrigo "Casa do amor", fundado por ele, que acolhe homens e mulheres idosos.

Analice - "BBB 12"

Analice se declarou bissexual no programa. Ao ser eliminada, creditou que o fato poderia ter contribuído para sua saída. Estudante de Direito e de Gestão Pública, ela atua como bartender e se dedica a temas como feminismo, políticas de esquerda e milita pela comunidade LGBTQIA+.

Aslan - "BBB 13"

Em 2013, Aslan foi o único participante homossexual assumido do "Big Brother Brasil". Ele deixou o programa num paredão contra Marcello. O ex-BBB já estava num relacionamento sério com o médico Arthur Aguiar, com quem se casou e vive até hoje.

Vanessa e Clara- "BBB 14"

No ano seguinte, o protagonismo da edição do programa foi da participante Vanessa Mesquita, que saiu vitoriosa. Durante o confinamento, ela, que se declarou bissexual, teve um envolvimento com a participante Clara, que possui a mesma orientação sexual. As duas deram o primeiro beijo entre pessoas do mesmo sexo no "Big Brother Brasil".

Hoje em dia, Vanessa dá prosseguimento em sua carreira como veterinária. Já Clara é casada, mãe de dois filhos e atua também como cam girl - nome dado a mulheres que se exibem na internet a quem estiver disposto a pagar para vê-las.

Mahmoud - "BBB 18"

Psicólogo e sexólogo integrou o time do décimo oitavo "Big Brother Brasil". À época, ele foi o sexto eliminado na edição, mas, atualmente, faz muito sucesso nas redes sociais dando dicas e falando sobre sexo. Só no Instagram, por exemplo, é seguido por mais de 3,8 milhões de pessoas.

Gabriela Hebling- "BBB 19"

A percussionista foi considerada uma participante bastante querida em sua edição, em 2019. Na casa, recebeu o apelido de "Fada empoderada". Abordou questões de minorias, falou sobre sua trajetória de vida, combate ao racismo e disse que o "BBB" lhe deu uma injeção de autoestima. Gabriela tem namorada, para quem já dedicou declarações de amor públicas na web.

Victor Hugo - "BBB 20"

Primeiro participante assumidamente assexual (em linhas gerais, é o termo usado para aqueles que não sentem atração sexual por outras pessoas) do "Big Brother Brasil". O psicólogo abordou o assunto algumas vezes durante o programa, de onde foi eliminado com uma votação expressiva: mais de 85%.

Bianca Andrade - "BBB 20"

Boca Rosa falou sobre sua bissexualidade durante a edição. Após a eliminação, porém, a influenciadora e empresária revelou ser pansexual (atração por alguém independentemente do gênero e da sexualidade). Bianca, recentemente, anunciou a gravidez do namorado, Fred. Será o primeiro filho do casal.

Marcela McGowan - "BBB 20"

Médica, a ex-BBB disse ser bissexual no confinamento. Na família, Marcela tem um irmão transgênero. Na Casa, se envolveu com o participante Daniel. O relacionamento, porém, não vingou. Recentemente, ela assumiu o romance com a cantora sertaneja Luiza, da dupla com Murilo.

Daniel Lenhardt - "BBB 20"

Vencedor da Casa de Vidro, Daniel entrou no "BBB" e viveu um romance com Marcela. Após ter saído da casa, ele falou sobre sua bissexualidade e que já havia se envolvido com mulheres e homens.