Jennifer Lopez diz que o término de sua primeira relação com Ben Affleck foi a maior dor de sua vida

Jennifer Lopez anunciou na semana passada que planeja lançar, no ano que vem, um novo álbum, chamado "This is Me... Now". E este retorno tem tudo a ver com o seu reencontro com Ben Affleck.

O novo trabalho será uma continuação de seu álbum de 2002, "This Is Me ... Then", que ela escreveu e gravou enquanto namorava o ator, na ocasião.

"Aquele álbum realmente capturou uma época em que me apaixonei pelo amor da minha vida. E está tudo bem ali", disse ela em entrevista à Zane Lowe, no Apple Music 1.

Na entrevista, J. Lo também recordou o momento em que eles se separaram, em 2004. "Quando terminamos, há quase 20 anos, foi a maior dor da minha vida. Honestamente, senti como se fosse morrer."

A cantora disse ainda que a separação a levou a lutar para escrever suas músicas. "Isso me colocou em uma espiral pelos 18 anos seguintes, onde eu apenas não consegui acertar. Mas agora, 20 anos depois, temos um final feliz", brincou.

Desde que reataram o relacionamento, no ano passado, Jennifer conta que se tornou mais inspirada para compor. "Fui tão dominada pela emoção que (a música) estava saindo de mim".

J. Lo, de 53 anos, contou ainda que acredita que algumas coisas 'duram para sempre'. "O amor verdadeiro existe, algumas coisas duram para sempre, e isso é real. Quero espalhar essa mensagem para o mundo", falou.

Ela acrescentou que seu agora marido "ama" This Is Me ... Then .

"Ele adora aquele álbum. Ele adora aquela música. Ele conhece todas as letras", diz ela sobre o vencedor do Oscar. "Ele também estava comigo enquanto eu o criava... Ele é meu maior fã, o que é incrível."