Jingle de candidato viraliza: 'Maconheiro vota em maconheiro'

Candidato a deputado estadual é a favor da discriminalização das drogas (Foto: Getty Images)
Candidato a deputado estadual é a favor da discriminalização das drogas (Foto: Getty Images)

Um jingle de um candidato a deputado estadual de Pernambuco viralizou em grupos de WhatsApp por conta do apelo que faz: “maconheiro vota em maconheiro”.

Segundo informações do portal Metrópoles, a música pertence ao comerciante Marco Aurélio de Barros e Silva, de 56 anos de idade.

Nas urnas, ele aparecerá como Marco Smoke, que significa “fumo”, em português.

Ao portal, o candidato disse defender a descriminalização da maconha. Isso porque, segundo ele, é “usuário desde os 17 anos”, além de sempre estar ao lado de pessoas “de bom nível” que utilizam a droga.

“Existem pessoas que são presas e marginalizadas porque usam maconha. Por isso, luto até hoje pela descriminalização da maconha em geral e pela distribuição gratuita do Canabidiol para uso medicinal”, afirmou ele ao Metrópoles.

Marco Smoke falou ainda que não faz campanha a favor do uso da maconha, uma vez que é crime fazer apologia ao uso da droga no país.

“Eu luto pela descriminalização”, explicou.

Veja como foram as últimas pesquisas eleitorais de 2022:

Qual a data das Eleições 2022?

O primeiro turno das eleições será realizado no dia 2 de outubro, um domingo. Já o segundo turno – caso necessário – será disputado no dia 30 de outubro, também um domingo.

Veja a ordem de escolha na urna eletrônica nas Eleições 2022

  1. Deputado federal (quatro dígitos)

  2. Deputado estadual (cinco dígitos)

  3. Senador (três dígitos)

  4. Governador (dois dígitos)

  5. Presidente da República (dois dígitos)