Joe Biden acusa Rússia de "violar sem vergonha a Carta da ONU"

Presidente dos EUA condena as ameaças de Vladimir Putin e lembra que "ninguém ganha uma guerra nuclear"