Jogador de 13 anos da base do Rosario Central morre baleado na Argentina

A noite de segunda-feira na cidade de Rosário, a 300 quilômetros da capital argentina Bueno Aires, foi marcada pela violência. Um tiroteio deixou um adolescente morto e mais três feridos no bairro de Fisherton, na zona oeste da cidade. Lucas Vega Caballero, de apenas 13 anos, foi atingido no peito e não sobreviveu aos ferimentos. Ele jogava na equipe de base do Rosario Central.

Lucas, seu irmão e mais dois amigos foram atingidos enquanto passeavam nas ruas do bairro na noite da segunda-feira, por volta das 22h, horário local. De acordo com a imprensa argentina, testemunhas relaaram que os disparos vieram de um carro na rua. Os quatro foram levados para hospitais próximos, mas o menino não sobreviveu pouco depois de dar entrada no centro de saúde.

Em nota, o clube expressou sua solidariedade à família do menino e pediu justiça. "Nós, do Rosario Central Athletic Club, lamentamos profundamente o falecimento de Lucas Vega, aos 13 anos, que era jogador da nossa instituição nas divisões infantis. Enviamos nossas condolências à família neste momento difícil, nos juntamos ao pedido de justiça e exigimos o esclarecimento do falecimento de Lucas", afirmou o comunicado oficial.

O perfil da liga argentina também se pronunciou sobre o caso. "Lamentaos profundamente o falecimento de Lucas Vega, jogador da base do Rosario Central. Nesse momento difícil, enviamos nossas condolências à família e aos amigos."

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos